LABRE reúne-se novamente com Conselheiro da ANATEL

LABRE reúne-se novamente com Conselheiro da ANATEL

Pela segunda vez, a LABRE participou nesta quarta-feira, 29/06, de reunião presencial em Brasília com Vicente Aquino, Conselheiro da ANATEL, para tratar de questões acerca da Consulta Pública Nº 41/2022, a qual substituirá os regulamentos dos serviços de telecomunicações numa única resolução. Dentre estes serviços, está o de radioamador. Na reunião, foi dada continuidade às tratativas iniciadas há cerca de quatro meses, quando a primeira reunião ocorreu. Para saber mais sobre esta reunião, clique aqui.

Participaram da reunião, além do Conselheiro Vicente Aquino, Gilberto Studart – Gerente Regional ANATEL (GR09), Vinícius Caram – Superintendente de Outorga da ANATEL, Rodrigo Gebrim – Assessor da ANATEL, Lea Teles – Chefe de Gabinete do Conselheiro Vicente Aquino, Danilo Forte – Deputado Federal (UNIÃO-CE) e Cezinha de Madureira – Deputado Federal (PSD-SP).

Pela LABRE, estiveram presentes Marcone Cerqueira PY6MV, Presidente do Conselho Diretor, Roberto Pereira PT7YV, 1º Vice-presidente, e Edson Pereira PY2SDR, Coordenador LABRE nas Escolas e AMSAT-BR.

Da esquerda pra direita: Gilberto Studart – Gerente Regional ANATEL; Lea Teles – Chefe de Gabinete; Vicente Aquino – Conselheiro ANATEL; Danilo Forte – Deputado Federal; Marcone Cerqueira PY6MV, Roberto Pereira PT7YV e Edson Pereira PY2SDR.

 

Comentários (7)

  • Aparecido da Silva Souza Souza Reply

    Tudo se encaminhando para chegar a um consenso, após anos de estudos.

    30 de junho de 2022 at 16:49
  • Roberto Bueno da Silva Reply

    Parabéns a Anatel e a Labre.
    Espero que prevaleça o bom senso durante as reuniões que definem os destinos do radioamadorismo brasileiro.
    Sou totalmente a favor das propostas vinculadas na consulta pública, vejam todas as bandas disponíveis e praticamente pouco utilizadas com raras excessoes.
    Retirar o CW das provas vai abrir novas oportunidades de desenvolvimento da classe,temos que evoluir.

    1 de julho de 2022 at 15:10
  • NIKOLAYEV Reply

    COMO SEMPRE OS BRASULEIROS QUEREM DAR O FAMOSO “JEITINHO”, SO NÃO PASSA NAS PROVAS DE PROMOÇÃO QUEM NÃO QUER, QUEM É PREGUIÇOSO, QUEM É MANDRIAO., QUEM NÃO TEM O INTERESSE EM APRENDER.

    EU SOU CONTRA A ANATEL E AS LABRES “ABRIREM AS PERNAS” PARA OS MALANDROS.

    2 de julho de 2022 at 19:00
    • Leonardo Cruz Reply

      Querido, você está simplificando a questão e a tornando algo mesquinho e pessoal, não se trata de preguiçosos e malandros, e sim sobre pessoas que não se interessam pelo CW ou por algum tipo de deficiência auditiva não consegue passar nas provas, além do que a prova de CW é uma jabuticaba brasileira, que não existe em nenhum outro lugar do mundo para promoção as classes mais altas do radioamadorismo. Se você for radioamador, provavelmente colou ou não fez a prova de ética operacional, porque muito mais do que desrespeitar os colegas que não gostam ou não podem fazer uso do cw, você desrespeita toda a classe mundial de radioamadores que não precisaram realizar a prova de cw para alçar as classes mais altas do radioamadorismo.

      2 de julho de 2022 at 23:06
  • Eric - PY2ECM Reply

    Já que a intenção de quem tem preguiça de aprender CW é q retirem, blz. Vamos retirar. Mas vamos fazer igual fizemos com o plano de banda. Vamos copiar exatamente os testes americanos. Mesma coisa. Sem aquelas provinhas iguais as apostilas. Onde só se decora A, B, C. Aí eu concordo. Vai ter gente chorando pra voltar o CW.

    5 de julho de 2022 at 17:18
  • Marcelo pu2ttx Reply

    Vocês viram as consta realidade. No radio está acabando muitos tem radio e nem falam o problema do radio nunca vai ser o cw, podem deixar ele é faz que quer uma estrela do lado do prefixo. Falam na banda acima do 7000mhz apenas panelinha não dando direito a todos que tem radio e capacidade por causa do CW . O caminho para fazer cw é ridículo até marca w fazer a prova. Não é o cw muda o radioamador tenho site e grupos de telegrafia cwdicas.com/cw eu amo cw faz bem a alma e é aducativo mas não podem usá-lo como portaria. Tem que deixar os radioamadores com prefixo ficar juntas…sem 2 lados . Mas todos dos mesmo lado.

    9 de julho de 2022 at 08:25
  • Paulo Tavares Reply

    Precisamos que a Labre discuta com eles essa vergonha de 2 a 3 meses pra uma outorga de estação, depois de ter passado na prova. Documentação de analise rapida, nao deveria demorar tanto.

    23 de julho de 2022 at 09:05

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Skip to content